Para comprar

Para comprar, é só enviar as características do produto que desejar, juntamente com os seus dados por e-mail: betartes.salgueiro@gmail.com
ou Ligue: 22 981274449

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Boneca Moranguinho



Dicas para o lar

Mofo
O mofo além do cheiro desagradável também é muito prejudicial à saúde. O seu lugar preferido são os armários, se este é o seu caso, tire todas as roupas ou objetos do armário e limpe com um pano levemente embebido numa solução de água misturada com água sanitária. Deixe arejar bem e arrume tudo novamente, mas no fundo coloque um recipiente com sal grosso e sais de banho perfumado. O sal absorve a umidade e ainda ficará com cheirinho de limpeza. Troque o sal quando perceber que está ficando líquido.
Colarinho encardido
Pode parecer sinal desleixo. Para que os colarinhos das camisas fiquem bem limpos, antes de colocar para lavar, passe um pouco de xampu diluído num pouquinho de água. Deixe alguns minutos e lave normalmente. Você também pode recorrer aos produtos específicos, chamados “pré-lavagem”, disponíveis nos supermercados.
Banana sequinha
Passe as bananas na farinha de trigo e depois frite normalmente. Ficam bem mais sequinhas e deliciosas.
Massa leve
Adicione um pouquinho de cerveja na massa da panqueca. Fica bem mais leve.
Bolo fofinho
Quando fizer bolo de chocolate adicione meia maçã, sem casca, relada na massa. O bolo ficará úmido e bem mais gostoso.
Cozinha cheirosa I
Num borrifador comum coloque álcool e cravo da índia. Deixe em efusão durante alguns dias e use a misture para finalizar a limpe da pia e armário. Fica tudo cheiroso.
Cozinha cheirosa II
Nada mais desagradável que o cheiro de fritura se espalhar pela casa toda. Quando fritar alguma coisa, queime açúcar e casca de laranja. Um cheirinho agradável vai pairar no ambiente.
Outra dica
Mantenha um copo com vinagre sobre o armário da cozinha. Vai absorver os cheiros desagradáveis

Quadro: A fazendinha

domingo, 17 de outubro de 2010

História de um projeto mal elaborado

Uma história que poderá ser semelhante a alguma que já vivenciou ou soube por meio de outras pessoas.
Quando Marcos assumiu um projeto para construir uma ala de um hospital, ele já pegou o trabalho em andamento. O gerente anterior fora para outro emprego. Logo Marcos soube o porquê.
À medida que examinava o plano deixado pelo seu antecessor, Marcos se preocupava. Havia algo de errado, mas ele não conseguia perceber o que era. Era uma intuição, daquelas que sentimos, quando as coisas não parecem lá muito bem.
Marcos contou a seu novo chefe sua preocupação e ficou surpreso ao ver João concordar. “Eu tenho tido a mesma preocupação”, disse e continuou “Fique por lá até descobrir o que é”.
Muitos dias se passaram, antes que Marcos se desse conta do que estava errado. Trabalhadores estavam limpando o terreno, máquinas trabalhavam sem parar, operário arrancando árvores e removendo pedras, mas o custo daquele trabalho não estava previsto no projeto. Ele fez uma rápida estimativa do custo da preparação do terreno e seu coração disparou. O custo orçado era de R$100.000,00 e a estimativa inicial para o projeto inteiro era de somente R$700.000,00.
Juntos, Marcos e João solicitaram uma reunião com a direção do hospital. Quando souberam o que estava acontecendo, os membros da diretoria empalideceram; então, mandaram os dois para fora da sala de reuniões.
Depois de uma angustiante meia hora, a direção chamou-os de volta. “Bem,
estamos comprometidos com este trabalho”, disse o diretor, “portanto, teremos de encontrar o dinheiro em algum lugar”.
Como pode ter observado nessa história, essa é uma das causas mais comuns de colapsos de projetos - esquecer de planejar algum aspecto do trabalho. No exemplo, o gerente de um projeto de construção viu o orçamento inicial sofrer um acréscimo significativo porque se esqueceu de incluir o custo da limpeza e preparação do terreno em seu orçamento.
Erros na estimativa da duração e custos das tarefas são as principais causas de falhas em projetos.
Quantos projetos podem ter sido interrompidos ou abortados, justamente pelo esquecimento de incluir tarefas que envolveriam novos custos?

Dicas para a Elaboração de um Projeto

Utilize o roteiro (na sua totalidade ou não) para preparar uma proposta de projeto. Pode ser um projeto de construção ou reforma de uma casa, de desenvolvimento de um produto para vender, de um financiamento para expansão de uma empresa ou construção de uma fábrica.
1. Defina seus objetivos:
1.1 – Esclareça a necessidade a ser atendida;
1.2 – Defina o produto do projeto.
2. Defina os meios para atingir os objetivos:
Nesta parte da proposta, defina as atividades, os recursos e os custos do projeto.
2.1 – Prepare um programa de trabalho (defina claramente as atividades ou tarefas que precisam ser realizadas para concretizar o produto). Detalhe as atividades previstas. Considere o produto e o escopo do projeto para identificar as atividades;
2.2 – Prepare um cronograma (Faça a distribuição das tarefas);
2.3 – Identifique os recursos necessários para realizar as atividades (especifique todos os tipos de recursos necessários para realizar o projeto). Pessoas, instalações, escritório, computadores, material de consumo, aquisição de serviços de terceiros, transportes, seguros, tudo deve ser relacionado;
2.4 – Defina o custo do programa de trabalho (faça o orçamento dos recursos previstos). Prepare o cronograma de desembolso. Faças as contas com certa margem de segurança, acrescentando uma porcentagem no orçamento a título de reserva técnica;
2.5 – Defina a equipe e a organização do projeto (especifique quem vai trabalhar no projeto). Explique quem vai fazer o quê e os níveis de autoridade e responsabilidade de cada um.
2.6 – Defina a forma de administração do projeto. Neste passo, esclareça como vai ser administrada a relação entre o cliente e o projeto. Defina se vai haver um contrato e como serão prestadas as contas, quais serão os mecanismos de
controle e outros aspectos da administração do projeto.

Boneca de pano



Tela praia

Porta condimentos



Tulipas na janela


Boneca Morango


domingo, 26 de setembro de 2010

A Semana é...

Para um preso, menos 7 dias
Para os felizes, 7 motivos
Para os tristes, mais 7 dias
Para a esperança, 7 novas manhãs
Para a insônia, 7 longas noites
Para os sozinhos, 7 chances
Para os ausentes, 7 culpas
Para os empresários, 25% do mês
Para os economistas, 0,019 do ano
Para o pessimista, 7 riscos
Para o otimista, 7 oportunidades
Para a terra, 7 voltas
Para cumprir o prazo, pouco
Para criar o mundo, o suficiente
Para uma gripe, a cura
Para a história, nada
Para a vida....Tudo!
Faça de cada dia desta semana um dia especial!

Tenha uma excelente semana...
ou sete dias maravilhosos...

Depende de você!

domingo, 19 de setembro de 2010

Saudações

Oi, meu nome é Roberta, e hoje estou iniciando o meu blog voltado para artesanato em tecidos. Em breve estarei disponilizando meu trabalho neste blog. Aguardem!
Ocorreu um erro neste gadget